Resenha: Lolita, de Vladimir Nabokov
Editora: Biblioteca Folha

Sinopse:

Lolita é um livro com uma proposta polêmica e que nem todos vão aceitar – não muitos, na verdade. Vladimir Nabokov descreve a história de um amor obsessivo de um professor europeu, Humbert, por uma menina de 12 anos, Lolita. Mas, como descobrimos pelos olhos pervertidos e nem sempre lúcidos de Humbert, não qualquer menina. Lolita é um ninfeta, uma criança entre onze ou doze a quatorze anos que seduz homens mais velhos com artifícios de uma mulher madura. E, como a própria palavra indica ( que vem de ninfa ), a ninfeta é de uma natureza diabólica. Ela brinca com suas “vítimas”, como vemos ela fazer com Humbert ao decorrer do livro, e sente mais facilmente prazer do que amor.


Realmente, a sinopse desse livro não é uma das melhores.

O que se trata?

O livro é divido em duas partes. Na primeira parte temos a mãe viva, mas já na segunda, não.
E quem nos conta a estória é Humbert Humbert, um professor, que se muda para o Estados Unidos. Ele está procurando um lugar para morar. E é aí que ele vai morar na pensão de Charlotte Haze, mãe de Dolores Haze, ou seria Dolly – Lô – Lola – Lolita, fica a seu critério. Mas antes dele alugar a pensão, ele não gosta do ambiente americano, ele acha tudo uma bagunça; ele já não estava querendo alugar. Porém, quando ele está visitando a pensão; no momento que ele entra no jardim, e vê a Lolita deitado na grama; ele não pensa duas vezes e diz que vai ficar com a pensão sim. Amor a primeira vista? 
Humbert se casa com Sr. Haze no objetivo de ficar próximo de Lolita. Mas Lô é mandada para um internato durante um ano se não me engano.
Ele também tem um diário, e lá ele se expressa literalmente; diz que Sr. Haze é uma gorda, ele totalmente xinga a mulher. Quando ela acaba lendo isso, deixa uma carta para ele. E logo após sofre um acidente. Então, ele se sente na obrigação de buscar Lola de lá. 
Eles viajam juntos por alguns lugares.
O livro nos conta esse caso de "amor" ou pedofilia, bom, não sei, e eles tem essa relação muito diferente.

O achei do livro?

Eu não sei exatamente o que achar desse livro. Nesse livro eu não dei uma risada, somente fiquei com muita, muita raiva de Dolly.
Para aquelas pessoas que acham que o livro é erótico, estão muito enganadas; o livro é sensual, e isso é totalmente diferente. Ele é bem censurado, "vamo" combinar!
Como vocês sabem, Lolita é um clássico da literatura.
Ele é muito bom; acho que o tema foi bem diferente do que estou acostumada. Um livro peculiar.

"Pela manhã ela era Lô, não mais que Lô, com seu metro e quarenta e sete de altura e calçando uma única meia soquete. Era Lola ao vestir os jeans desbotados. Era Dolly na escola. Era Dolores sobre a linha pontilhada. Mas em meus braços sempre foi Lolita."
página: 11 
Muitas vezes eu tinha ódio de Humbert, outras, de Lolita; era/é muito difícil de explicar.
Lolita é uma menina que não tem um pensamento de meninas da sua idade, ela é bem danadinha, chantagista, e má. E Humbert é muito bobo, para ser mais realista, ele é muito idiota, sério. 
Durante a viajem, ele se apaixona mais e mais por ela. Humbert é obsessivo no ciúmes. 
O final é impressionante, não vou dizer o que acontece para não ser spoiler.

Eu recomendo fortemente este livro para as pessoas que gostam de novidades. Caso você não tenha gostado da narrativa ou do tema que Nabokov aborda ou abandonou o livro; eu indico que pelo menos tente ler. Pois vale a pena realmente. 
Lembrando que também tem o filme, que está disponível no Netflix.
Logo em breve, farei sorteio desse livro incrível para vocês! 
Alguém aqui já leu Lolita? Se sim, o que acharam? Conte-me, preciso conversar com alguém que já leu este livro.

Obviamente, cinco estrelas ao livro.
Livro #1-Primeiro livro resenhado do Projeto: Biblioteca Folha.
Me encontre nas redes sociais


9 Comentários

  1. Tenho muita vontade de ler o livro, já está na minha lista. Já vi o filme e gostei bastante, mas deve ser diferente em muita coisa. Gostei da sua resenha, meus parabéns!
    Também falo de livros no meu blog. Fique à vontade para visitá-lo!

    vivendo-o-dark-side.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Ano que vem pretendo fazer sorteio desse livro, viu... Fica ligada que logo logo sorteio. Ah, o filme é muito fiel ao livro, hein. E adorei seu blog, hihi beijooo

      Excluir
  2. Oii!
    Eu já li o livro a algum tempo e fiquei completamente apaixonda!! Adorei a escrita do autor, o tema, as personagens (o que não quer dizer que não senti raiva delas), o enrredo e tudo mais! É um dos meus livros preferidos, recomendo para todos!
    Beijinhos e bom fim-de-semana!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente! É incrível esse livro. :D
      beijooo

      Excluir
  3. Ooooie. Sou louca para ler Lolita, já faz parte da minha lista a muito tempo e a cada resenha que leio fico com mais vontade de lê-lo!!
    http://chuvacobertaelivros.blogspot.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lolita é incrível! Logo logo farei sorteio desse livro aqui no blog.

      Excluir
  4. Tô lendo ele no momento e esperava outra coisa da história devido a alguns comentários que li por ai. Mas tô gostando da forma como o livro foi escrito, do desenvolvimento do tema abordado, da forma quase poética como a história se passa. Ainda não tenho um sentimento formado a respeito de Humbert nem de Lolita, vou terminar de ler, absorver a história e pensar, já que tenho feito muito isso, pensar a respeito da história.
    Gostei da resenha, logo farei a minha também.
    Beijos.
    http://recolhendopalavras.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Literalmente. Não vejo a hora ver sua resenha, Dany.
      beijooo

      Excluir
  5. Que Blog mais lindo e fofo Gyovanna, parabéns! Gostei muito. É vc mesmo quem desenvolve tudo ou tem alguém por trás, dando uma mão? Gostei da resenha, simples, direta e com a sua marca e expressão. Muito legal.

    ResponderExcluir